Ministério Público move ação contra a Igreja Mundial

Mulher é detida durante ritual com criança na porta de igreja
23 de dezembro de 2013
Semeando.
24 de dezembro de 2013


O Instituto de Criminalística constatou por laudo pericial, segundo o MPE, que os níveis de pressão sonora emitidos pelas atividades da igreja estão acima do permitido, alcançando a média de 72 decibéis.

De acordo com o MPE, a ação é resultado de um inquérito civil instaurado no início deste ano, após representação dos moradores residentes próximos à igreja.

A Promotoria pede, ainda, que a igreja seja condenada a não fazer reuniões ou cultos enquanto não realizar as obras necessárias com o objetivo de reduzir a poluição sonora, sob pena de pagamento de multa de R$ 10 mil por dia. O processo deu entrada no último dia 12, no Fórum de Panorama.

Outro lado

A reportagem entrou em contato por telefone com a sede da Igreja Mundial do Poder de Deus, em São Paulo, nesta quinta-feira (19), mas ninguém soube informar os contatos com o responsável pelo templo em Panorama e nem mesmo com a Assessoria de Imprensa da instituição, para que pudessem se manifestar sobre o assunto.

Fonte: Site iFronteira

%d blogueiros gostam disto: