FÉ E OBEDIENÇIAS

COM ZELO DE DEUS
18 de agosto de 2015
O VERBO É DEUS
19 de agosto de 2015



FÉ & OBEDIÊNCIA

Amados irmãos e irmãs em Cristo Jesus, a Paz do Senhor!
O Senhor na manhã de hoje colocou no meu coração de escrever um texto sobre fé & obediência, nos últimos dias tenho clamado muito ao Senhor pra que Ele renove as minhas forças e aumente a minha fé diariamente, pois se desfalecermos na fé certamente seremos desobedientes, e como conseqüência cairemos em pecado. E todos sabem que o salário do pecado é a morte.
Sou uma ovelha do Pr. Henrique Lino que atravesso o deserto da Restauração Familiar. Tenho um casamento lícito aos olhos de Deus, ou seja, primeiro casamento de ambos. Aqueles que não podem receber esta palavra, que busquem no Senhor a direção para suas vidas e, conseqüentemente, suas almas. A fim de alcançarem a salvação e vida eterna. Não há permissão na palavra de Deus para recasamento de pessoas divorciadas. O casamento somente se desfaz com a morte de um dos cônjuges.
Sendo assim, gostaria de escrever-lhes sobre estas duas palavras extremamente importantes na vida de um Cristão: Fé & Obediência, vejamos:
Em Hebreus 11:1 – Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem.
Em Hebreus 11:6 – Ora, sem fé é impossível agradar-lhe; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.
Estas duas passagens por si só são suficientes para nos edificar e fazer com que dobremos nossos joelhos diante do Senhor clamando sua misericórdia sobre nossas vidas e pedindo a Ele que aumente nossa fé. Quando estamos atravessando um deserto espiritual temos que ser conscientes de que Deus permitiu esta prova em nossas vidas, porque somos escolhidos dEle. Temos basicamente três etapas na Restauração Familiar:
1ª) Inicial – Fé: Encontramo-nos assustados, desesperados e totalmente sem direção. A tristeza tomou conta de todo nosso ser, em casos extremos pensamos em tirar a própria vida, mas tudo não passa de insegurança, medo e uma, certa dose, de imaturidade. Nesta etapa estamos derrotados espiritualmente.
Aqui começamos a falar sobre a fé, pois é preciso dar o primeiro passo no deserto da Restauração Familiar, e a única maneira é através da fé, assim como disse o escritor do livro de Hebreus: Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem. (Hebreus 11:6) Logo irmãos precisamos crer naquilo que não estamos vendo, que transcende todo entendimento humano, ainda que tudo esteja contrário do que você deseja. É preciso fechar os olhos para a situação e fitar os olhos no Senhor, acreditar que a palavra de Deus se cumprirá na sua vida. Na passagem do livro do profeta Jeremias isto fica muito claro: Viste bem, disse-me o senhor, porque velo sobre a minha palavra para que se cumpra. (Jeremias 1:12) Então, se está na palavra de Deus vai se cumprir. Do contrário Deus seria mentiroso e sabemos que Ele não é! Neste momento irmãos é preciso: crer, acreditar, ser confiante, perseverar. Estas palavras são perfeitamente entendidas quando temos fé. Jesus Cristo disse que poderíamos mover montanhas através da fé.
Então, nesta etapa é preciso sair do caminho de quem te repudiou, não procurar, não ligar, não conversar com parentes e amigos sobre a situação. Sua fragilidade pode ser perigosa. Passe a viver somente pela fé e submeta-se a uma autoridade constituída por Deus, um Pastor ungido pelo Deus Altíssimo, aqui passamos para a segunda palavra obediência.
2ª) Intermediaria – Obediência: Nesta etapa, estamos mais confiantes e equilibrados em nossas atitudes, pois a fé manifestada em nós, produziu frutos suficientes para nos fortalecer e crer que é possível vencer esta batalha espiritual. Nossas orações são mais firmes, seguras e direcionadas. Mas é preciso avançar… A obediência a sua autoridade espiritual será imprescindível na travessia do deserto: Obedecei a vossos pastores, e sujeitai-vos a eles, porque velam por vossas almas, como aqueles que hão de dar conta delas; para que o façam com alegria e não gemendo, porque isso não vos seria útil. (Hebreus 13:17) Aqui encontramos na palavra de Deus a ordenança do Senhor para que sejamos obedientes ao nosso Pastor. É preciso seguir seus conselhos crendo que é da parte do Senhor tais orientações. Nesta etapa do deserto nossos olhos espirituais se abrem, as escamas caem e, conseqüentemente, conseguimos ver o agir de Deus em nossas vidas, através da fé e obediência. Deus deixa claro que Ele está agindo primeiro em nossas vidas, começamos a perceber o mover de Deus nos pequenos detalhes. Nossa fé é edificada diariamente, nossos relacionamentos sociais são restabelecidos com base em critérios bíblicos, nossa área profissional é restaurada, nossa vida financeira é restaurada. Esses são alguns pequenos exemplos do que começa acontecer a nossa volta. Estamos confiantes e desligamos dos nossos cônjuges e marchamos confiantes em Deus e no cumprimento da promessa.
3ª Final – Fé & Obediência: O tempo passou, e não vimos nada acontecer a nosso favor, mas Deus permitiu que nós não víssemos. Pois Ele precisava trabalhar em nós, nas nossas vidas. Através da sua vida Deus será Honrado e Glorificado! Nesta etapa estamos libertos… Conseguimos liberar perdão, ser perdoados. O Senhor curou as feridas, trocou o coração de pedra pelo de carne, com espírito manso e perdoador. Enquanto caminhamos no deserto, Deus age na vida de nossos cônjuges. Permitindo que ele se envolva mais no pecado, que a miséria, a falência, a dor, a desgraça espiritual se manifeste na vida dele, pois está vivendo longe da presença de Deus. Neste momento os olhos espirituais serão abertos, as escamas vão cair e a restauração vai acontecer pra Honra e Glória do Senhor. E na etapa final a fé & obediência precisam estar presentes em nossos corações. É hora de olhar somente pro Senhor, descansar nEle!
Então, amados percebemos que sem fé e obediência vamos ficar no deserto "40 anos”. Temos que levar uma vida Santa, buscar viver a palavra de Deus, ser obedientes nos dízimos. Um parêntese aqui: o dízimo é maior barreira a ser transposta pelo Cristão. Seja obediente, não falhe! Não deixe de devolver a Deus o que é dEle.
Não desista da vida da sua esposa ou esposo, o segundo mandamento de Deus é: Amar o próximo como a ti mesmo. Deus não desistiu da sua vida, logo você não pode desistir da vida de seu cônjuge: Eu odeio o divórcio, diz o Senhor, o Deus de Israel. (Malaquias 2:16) Esta é a ordenança de Deus pra sua vida!
Por isso, o homem deixará seu pai e sua mãe e se unirá à sua mulher; e os dois formarão uma só carne? Assim, já não são dois, mas uma só carne. Portanto, não separe o homem o que Deus uniu. (Mateus 19:5-6)
Irmãos se você está na luta pelo seu casamento, creia, persevere… Pois o justo viverá pela fé! Você está debaixo de uma promessa de Deus, fique tranqüilo!
Deus lhe dará a vitória, Em Nome de Jesus!
18/08/2015

Marcelino Moraes
Belo Horizonte – MG
[email protected]

%d blogueiros gostam disto: