INJUSTIÇA DOS HOMENS

FÉ NÃO FINGIDA
28 de dezembro de 2018
COMO SERÁ O CORPO
2 de janeiro de 2019


“Porque do céu se manifesta a ira de Deus sobre toda a impiedade e injustiça dos homens, que detêm a verdade em injustiça.” (Romanos 1:18)

 

          As pessoas têm a tendência de imaginar a ira de Deus como algo fora do comum, algo nunca visto, associada com terremotos, maremotos, tempestades, vulcões e outras coisas, mas não param para buscar entendimento na Palavra de Deus, não ouvem o próprio Deus que explica tudo. Sabemos que acontecerá muita coisa, inclusive estrelas caindo, maremotos e tudo mais na volta do Senhor, no seu retorno, no dia D, mas isso não é a ira de Deus, mesmo porque o que acontecerá é algo planejado, que Ele disse que ocorrerá. Jesus deixou bem claro várias coisas que aconteceriam antes da sua vinda, tais como guerras e tudo mais. Em nenhum momento se referiu a esses acontecimentos como a ira de Deus, mas como as pessoas têm a tendência de acreditar em histórias hollywoodianas, acreditar em filmes, novelas, em contos de fadas, então levam a sério os vários contos que são apresentados em forma de filmes ou até mesmo de livros. As pessoas deixam de ler, meditar no principal livro, “O livro dos livros”, por isto são enganadas facilmente e vivem enganando outros sem perceberem que, na verdade, já estão enfrentando a ira de Deus. A bem da verdade, a ira de Deus se manifesta sobre todos os desobedientes, sobre todos os que vivem às margens da Palavra de Deus, os que não praticam o Evangelho de Jesus Cristo, os que não buscam a salvação, os que tudo fazem para viverem e desfrutarem do melhor aqui, esquecendo que existe uma vida para ser vivida, ou uma morte para se padecer por toda a eternidade. “Porquanto o que de Deus se pode conhecer neles se manifesta, porque Deus lho manifestou. Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua Divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis.” (Romanos 1:19-20). Tudo o que existe no mundo sabemos que foi criação do Senhor, não existe lugar que possamos olhar que não vejamos a criação e o cuidado do Senhor. Não podemos tentar ignorar a sua existência, e muito menos tentar agir de uma outra maneira contrária a sua Palavra e fazer ou acreditar que Ele irá permitir, concordar com isso ou tolerar, porque seu imenso Poder e a maneira como Ele age está clara, e quando tentamos agir de uma outra maneira e queremos que Ele aceite, estamos lhe desobedecendo, estamos indo contra o Deus Todo Poderoso e, consequentemente, iremos pagar pelas nossas desobediências.

      “Porquanto, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes em seus discursos se desvaneceram, e o seu coração insensato se obscureceu. Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos. E mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis.” (Romanos 1:21-23). As pessoas, os seres humanos cometeram e cometem todos os tipos de torpezas, como viver de maneira radicalmente contrária à Palavra de Deus. Vemos as pessoas criarem deuses, imagens de várias coisas dizendo que são santos. As pessoas adoram objetos e astros tais como sol, lua, estrelas ou o mar; adoram quaisquer coisas e, sem saberem, algumas adoram demônios, e outras, de maneira consciente, são adoradoras de demônios, e ainda acham que estão fazendo o que é certo e tentam influenciar outras. A religião católica, cujos adeptos se identificam como cristãos, é uma das que mais age de maneira contrária à Palavra de Deus, pois são adoradores de imagens e deuses estranhos, tudo o que a Bíblia que eles dizem praticar condena. São tantas as religiões, são tantas as coisas que se adora pelo mundo, e o que é pior, ainda citam o Nome do Senhor (que é Santo para sempre Amém) como se estivessem fazendo o que é correto. Assim, as pessoas criaram religiões que facilitam, apoiam ou pelo menos não condenam seus inúmeros pecados, porque querem continuar nas bebedeiras, nas prostituições, nos adultérios, nos homossexualismos, nas desonestidades e em tudo o que o Senhor condena pela sua Palavra. “Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si; pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém.” (Romanos 1:24-25). Mas não perceberam que os que vivem dessa maneira na verdade já estão enfrentando a ira de Deus, pois o Senhor permite que eles vivam assim para que sejam dignos de enfrentarem a morte eterna. Sim, por fazerem tudo com que o Senhor não concorda, até mesmo por blasfemarem é que Deus permite que eles vivam na idolatria, nos pecados vários, porque assim não terão desculpas para não serem enviados para o sofrimento eterno. Esses que acham que estão reinando, estão dominando, que podem fazer o que bem quiserem, que o Senhor não vai cobrar ou exigir nada deles estão enganados, pois na verdade já estão na condenação do Senhor e estão fadados a receber a sentença final de morte. Por isso não inveje esses que vivem declaradamente em pecados vários, porque são os escolhidos, os separados para padecerem por toda a eternidade, são os que estão recebendo, enfrentando a ira de Deus. “Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro. E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm; Estando cheios de toda a iniquidade, fornicação, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade; Sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais e às mães; Néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, irreconciliáveis, sem misericórdia; Os quais, conhecendo o juízo de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem.”(Romanos 1:26-32).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino 

Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

%d blogueiros gostam disto: