LIVRE CURSO

PEGA NO ADULTÉRIO
20 de janeiro de 2019
JESUS EXERCE A SUA AUTORIDADE
21 de janeiro de 2019


“No demais, irmãos, rogai por nós, para que a Palavra do Senhor tenha livre curso e seja glorificada, como também o é entre vós; E para que sejamos livres de homens dissolutos e maus; porque a fé não é de todos.” (2 Tessalonicenses (3:1-2)

 

          Observamos na oração de Paulo aos irmãos da Tessalônica que o apóstolo não pede nada para ele, quer tão somente que o Evangelho seja pregado e aceito. Temos que imitar essa oração, temos que parar de ficar o tempo todo somente pedindo as coisas para nós, parar de ficar pedindo bênçãos várias, e pedir que o Senhor prepare o terreno ao nosso redor ou aonde formos, para que a Palavra de Deus seja aceita. Devemos pedir que os nossos gestos, nosso falar, nossa maneira de viver sejam pregações do Evangelho de Jesus Cristo, e que através de nossas vidas pessoas se convertam ao Senhor e também venham a ser pregadoras do Evangelho de Jesus Cristo. Temos que pedir que o Senhor trabalhe no coração das pessoas para que venham aceitar e se curvar a Ele, porque a nossa preocupação tem que ser a expansão do Reino de Deus. Pedir que o Senhor nos livre de pessoas más que tentam de todas as maneiras impedir a divulgação do Evangelho, orar para os missionários, evangelistas, pregadores que estão pelo mundo afora levando a mensagem da cruz. Temos conhecimento, sabemos que nem todos têm fé, por isto oramos para que o Senhor opere nessas vidas, para que não impeça a divulgação da mensagem da vida. É esse tipo de oração que devemos fazer, e não a ladainha de ficar pedindo a Deus o tempo todo por nós mesmos, parar de sermos egoístas e nos preocuparmos em ser intercessores. E sempre que fizermos orações e intercessões pelas pessoas, fazermos de acordo com o Evangelho, porque muitos fazem orações que são verdadeiras repetições, e outros pedem o que Deus condena, e por isto suas orações não são atendidas; as que o Senhor ouve e atende são as que estão de acordo com a sua Palavra. Vamos ser cristãos sábios e começar a agir de acordo com a Palavra de Deus, e não de acordo com a nossa vontade, ou com o que pensamos ou achamos, pois esses achismos é que têm conduzido muitas pessoas para longe do Senhor, prendendo-se a uma religião achando que estão fazendo o certo, mas, na verdade, estão longe do Senhor, e as suas orações não são ouvidas. Ser cristão verdadeiro, ser discípulo de Jesus é andar, viver não de acordo com o que homens, pessoas nos falam, mas de acordo com a Palavra de Deus.

     “Mas fiel é o Senhor, que vos confirmará, e guardará do maligno. E confiamos quanto a vós no Senhor, que não só fazeis como fareis o que vos mandamos. Ora o Senhor encaminhe os vossos corações no amor de Deus, e na paciência de Cristo.” (2 Tessalonicenses 3:3-5). A fidelidade de Deus todos a conhecem, nós é que devemos ser fiéis a Ele e à sua Palavra, porque, se não formos fiéis, seremos como uma mulher adúltera, uma prostituta que fica com vários homens. A fidelidade de Deus é certa, e por ela Ele confirmará todos os que vivem segundo as suas diretrizes, e não permitirá que o diabo tente, porque sabemos que tudo o que acontece é por vontade ou permissão do Senhor. Por isto, como não falamos de nós mesmos, mas falamos da Palavra de Cristo, sabemos que todos os que buscam realmente servir e ser fiéis a Cristo com certeza entenderão, compreenderão do que falamos e, consequentemente, colocarão em prática. Por isto, oramos para que o Senhor abençoe todos com as bênçãos espirituais, fortalecendo os corações, dando a todos intrepidez para viver e falar do seu Evangelho, para serem verdadeiros testemunhos do Evangelho de Jesus Cristo. “Mandamos-vos, porém, irmãos, em Nome de nosso Senhor Jesus Cristo, que vos aparteis de todo o irmão que anda desordenadamente, e não segundo a tradição que de nós recebeu.” (2 Tessalonicenses 3:6). Também devemos apresentar as nossas obras, e essas que as apresentemos em santidade, vivendo segundo o que o Senhor Jesus nos ensina e da maneira que manda viver. Por isto devemos nos afastar de todos os que se dizem irmãos de fé, mas que são preguiçosos, que não gostam de trabalhar para o Reino e nem para si mesmo, e que gostam de se aproveitar do trabalho dos outros. Destes devemos nos afastar, não podemos fingir que nós temos que ajudá-los, porque estaríamos indo contra o Evangelho, estaríamos em concordância com o erro e, consequentemente, contra o Senhor. Não podemos estar no meio de pessoas que se dizem crentes, evangélicas, mas praticam a mentira, o adultério, o roubo, a desonestidade, o homossexualismo, a fornicação ou outro pecado qualquer, porque estaríamos indo contra a Palavra de Deus. Temos que pregar e ensinar aos pecadores como se portar, como abandonar os pecados e ir ao encontro do Senhor para alcançarem vida, portanto, não podemos estar nas mesmas práticas e muito menos aceitar como cristão quem vive nessa prática. O Evangelho nos chama ao arrependimento, ao abandono do erro, nos chama a vivermos em santidade. Não podemos em hipótese alguma nos misturar, conviver com quem se diz irmão na fé, mas que vive na prática do pecado. Temos que ser autênticos praticantes do Evangelho de Jesus Cristo, temos que fazer a diferença, temos que ser luzes, temos que ser o sal da terra. “Porque vós mesmos sabeis como convém imitar-nos, pois que não nos houvemos desordenadamente entre vós, Nem de graça comemos o pão de homem algum, mas com trabalho e fadiga, trabalhando noite e dia, para não sermos pesados a nenhum de vós. Não porque não tivéssemos autoridade, mas para vos dar em nós mesmos exemplo, para nos imitardes. Porque, quando ainda estávamos convosco, vos mandamos isto, que, se alguém não quiser trabalhar, não coma também. Porquanto ouvimos que alguns entre vós andam desordenadamente, não trabalhando, antes fazendo coisas vãs. A esses tais, porém, mandamos, e exortamos por nosso Senhor Jesus Cristo, que, trabalhando com sossego, comam o seu próprio pão. E vós, irmãos, não vos canseis de fazer o bem. Mas, se alguém não obedecer à nossa palavra por esta carta, notai o tal, e não vos mistureis com ele, para que se envergonhe. Todavia não o tenhais como inimigo, mas admoestai-o como irmão.” (2 Tessalonicenses 3:7-15).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino

Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

%d blogueiros gostam disto: