Tempos trabalhosos

O mais importante é o amor
17 de maio de 2019
A fé vem pelo ouvir
20 de maio de 2019

“Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos.” (2 Timóteo 3:1)

O apóstolo Paulo há dois mil anos já nos prevenia sobre o que hoje acontece, sobre o que presenciamos. Por isto sabemos que estamos caminhando para o fim, que Jesus está voltando, que o tempo está se aproximando. Os tempos trabalhosos ou difíceis já estamos vivendo, basta olharmos a banalização do Evangelho, a dificuldade de encontrarmos templos, denominações sérias comprometidas com o Evangelho da Graça. Vemos as dificuldades de quem busca o Senhor, de quem quer realmente viver a Palavra do Senhor, em encontrar um local adequado para congregar, para encontrar pessoas que compartilhem do mesmo desejo e pensamento. Os verdadeiros discípulos de Jesus, os seguidores do Senhor, hoje sofrem por verem que a maioria vive uma religião, mas não são praticantes da Palavra de Deus. Sofrem por verem tantas pessoas religiosas viverem enganadas e enganando, e todas irão para o sofrimento e morte eterna. Os verdadeiros cristãos são criticados e perseguidos pelos que se dizem crentes, evangélicos, mas na verdade vivem na prática dos mesmos pecados dos ímpios, se não pior. Quem segue Jesus, quem não aceita se desviar do Evangelho é chamado de fanático, e muitos outros adjetivos, por aqueles que são frequentadores de templos, os buscadores de bênçãos, os que não conhecem Jesus. “Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, Sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te.” (2 Timóteo 3:2-5). Tudo isso temos visto, e na verdade vemos crescer um número cada vez maior dessas pessoas. Vivemos em uma época em que as pessoas amam animais e odeiam o ser humano, não conhecem Deus, apesar de citarem o seu Nome (que é Santo para sempre Amém), e mesmo cantando músicas falando que Ele é bom, não abrem mão dos seus pecados, pois são miseráveis, adúlteros, fornicadores, mentirosos, são pessoas que vivem no pecado e não querem abrir mãos deles. Pessoas dizem amar Deus, mas, ao olharmos para a maneira como elas se portam, como vivem, sabemos que amam mais o mundo, que amam mais objetos, o dinheiro do que o Senhor. Pessoas buscam o Senhor somente para receber, querem bênçãos e mais bênçãos, mas não querem obedecer, não querem pegar as suas cruzes.
“Porque deste número são os que se introduzem pelas casas, e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências; que aprendem sempre, e nunca podem chegar ao conhecimento da verdade.” (2 Timóteo 3:6-7). Hoje, os supostos crentes, os evangélicos de boca, os frequentadores de templos, através dos seus líderes, estão fazendo de tudo para conduzirem as pessoas aos seus templos e não a Cristo. Fazem o que eles chamam de evangelismos, criam shows, eventos, campanhas, coisas atrativas para que as pessoas vão aos seus templos, e depois pregam, falam coisas agradáveis, falam que o Senhor prometeu isto e aquilo, o que não é verdade. Prometem às pessoas que, se permanecerem em seus templos, terão riquezas, paz, alegria, felicidade, o que não é verdade, pois Jesus não tem compromisso. Os cultos dessas pessoas na verdade parecem mais uma reunião de autoajuda do que culto ao Senhor. O evangelismo deles se resume em convidar as pessoas para os seus templos, mas não com o objetivo de salvar essas pessoas, estão muito mais interessadas em seus dízimos e ofertas. Mulheres vivem em angústia, sofrimento, são enganadas e exploradas por eles, pois sempre apresentam uma solução que agrade a carne, mas não ensinam sobre arrependimento, sobre abandono de pecados, sobre conversão, santificação, sobre praticar o Evangelho de Jesus Cristo. Esses pregadores utilizam versículos isolados, aleatórios para criar teorias que são totalmente contrárias à Palavra de Deus. “E, como Janes e Jambres resistiram a Moisés, assim também estes resistem à verdade, sendo homens corruptos de entendimento e réprobos quanto à fé.” (2 Timóteo 3:8). Assim como no passado os falsos, os mágicos, os enganadores resistiam à verdade, muitos desses pregadores de hoje fazem o mesmo ou pior, pois sabem a verdade, mas não querem segui-la nem praticá-la, pois ela não lhes dá benefícios financeiros e nem prazeres mundanos. Portanto, sempre irão resistir à verdade, vão combater, e, portanto, criam-se heresias, na verdade são apóstatas, pois não creem mais em Cristo, e não têm temor, e por tal motivo fazem qualquer coisa. Mas essas são as verdadeiras pessoas mortas-vivas, pois, apesar de terem aparência de pessoas vivas, na verdade estão mortas, e os seus lugares no inferno já estão reservados junto com satanás e seus asseclas. Por isto sempre lembro que devemos ler, meditar na Palavra de Deus e colocar em prática o que apreendemos, pois ela é o manual da nossa fé. Não podemos ficar simplesmente aceitando o que falam e pregam, mas é necessário analisarmos tudo para ver se está de acordo com a Palavra, se não tiver, devemos nos afastar destes. “Não irão, porém, avante; porque a todos será manifesto o seu desvario, como também o foi o daqueles. Tu, porém, tens seguido a minha doutrina, modo de viver, intenção, fé, longanimidade, amor, paciência, Perseguições e aflições tais quais me aconteceram em Antioquia, em Icônio, e em Listra; quantas perseguições sofri, e o Senhor de todas me livrou; E também todos os que piamente querem viver em Cristo Jesus padecerão perseguições. Mas os homens maus e enganadores irão de mal para pior, enganando e sendo enganados. Tu, porém, permanece naquilo que aprendeste, e de que foste inteirado, sabendo de quem o tens aprendido, E que desde a tua meninice sabes as sagradas Escrituras, que podem fazer-te sábio para a salvação, pela fé que há em Cristo Jesus. Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça; Para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra.” (2 Timóteo 3:9-17).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

%d blogueiros gostam disto: