Fortes e fracos

A excelência da lei do Senhor e a felicidade daquele que a observa
16 de julho de 2019
Deus nos concedeu o maior Dom
17 de julho de 2019

“Mas nós, que somos fortes, devemos suportar as fraquezas dos fracos, e não agradar a nós mesmos.” (Romanos 15:1)

Todos nós que achamos, que nos julgamos firmes, fortes, espiritualmente devemos entender e compreender os mais fracos na fé, mas devemos compreender o que são os mais fracos na fé, pois não estamos falando de rebeldes. Muitos pensam que os rebeldes, os que não querem, não têm temor pelo Senhor, ou os que são comprometidos com o mundo, que esses são fracos, mas não é esse o caso, porque falamos aqui daquelas pessoas que buscam fazer a vontade do Senhor, mas, por não terem todo o conhecimento, agem de maneira errada, e muitas vezes acabam virando religiosas somente. Temos que suportar aquelas que são enganadas por pregadores profissionais e acabam acreditando em muita coisa, ou fazendo sacrifícios e vivendo doutrinas antibíblicas. Dessas pessoas nós temos que nos aproximar e procurar lhes ensinar, apresentar o Evangelho de Jesus Cristo, para que elas venham realmente se converter ao Senhor. Temos que nos aproximar delas e suportá-las, por mais que estejam no engano, mas nós temos a obrigação de abrir-lhes os olhos. Não podemos ficar preocupados somente conosco, porque assim seremos egoístas, e o egoísmo nos conduz ao sofrimento e morte eterna. Ser cristão é cuidar dos mais fracos da fé, mas, como disse anteriormente, devemos separar o joio do trigo, os que querem e os que não querem. “Portanto cada um de nós agrade ao seu próximo no que é bom para edificação. Porque também Cristo não agradou a si mesmo, mas, como está escrito: Sobre mim caíram as injúrias dos que te injuriavam.” (Romanos 15:2-3). Ser cristão, ser seguidor de Jesus é sempre estar preocupados com o próximo, é sempre dar prioridade ao próximo, assim sabemos que devemos cuidar, zelar para que todos aqueles que temem ao Senhor, que desejam fazer a sua vontade tenham acesso a Ele, e isso fazemos apresentando o seu Evangelho. Não podemos falar que somos seguidores de Jesus se a nossa prioridade somos nós mesmos, se não temos preocupação com os que estão se perdendo, porque sabemos que Cristo priorizou a salvação de todos nós, não obstante de toda luta, dor, sofrimento, humilhação pelos quais teve que passar. Assim também nós, como seus seguidores, devemos fazer tudo para entender, compreender os que são mais fracos na fé, aqueles que ainda estão nos enganos, porque é isso que Cristo espera de cada um de nós. Antes de julgarmos, condenarmos os que estão adorando o Senhor de maneira errada, devemos ensinar-lhes a adorar de maneira correta.
“Porque tudo o que dantes foi escrito, para nosso ensino foi escrito, para que pela paciência e consolação das Escrituras tenhamos esperança. Ora, o Deus de paciência e consolação vos conceda o mesmo sentimento uns para com os outros, segundo Cristo Jesus, Para que concordes, a uma boca, glorifiqueis ao Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo.”(Romanos 15:4-6).Toda a Bíblia foi escrita e nos presenteada para que possamos conhecer o Senhor, para que saibamos a sua vontade, para que aprendamos a viver segundo os seus estatutos e mandamentos. Vemos no Antigo Testamento o que Deus fez, seus inúmeros milagres, e também como Ele tratou os desobedientes, porque naquela época o castigo era visível e imediato, agora o castigo é bem pior, pois falamos de sofrimento e morte eterna para todos os desobedientes. Temos que tomar como exemplo tudo o que aconteceu no passado sabendo que coisa pior nos acontecerá se não vivermos segundo os preceitos estabelecidos pelo Senhor. Portanto, devemos ter paciência, cuidado e amor para com todos os que desejam, que almejam estar com o Senhor, mas que, infelizmente, por desconhecimento, agem de maneira errada, ou que não é condizente com o Evangelho de Jesus Cristo. Temos que tudo fazer pelo próximo que busca o Senhor, por todos os que, mesmo tateando, querem encontrar a salvação. Assim agindo, estaremos também agindo em conformidade com o Evangelho e caminharemos para Cristo. Não estamos sós, não estamos no engano, porque temos Cristo, temos o seu Evangelho, temos a Palavra para estudarmos, meditarmos e aprendermos a como proceder em todas as situações. “Portanto recebei-vos uns aos outros, como também Cristo nos recebeu para Glória de Deus. Digo, pois, que Jesus Cristo foi ministro da circuncisão, por causa da verdade de Deus, para que confirmasse as promessas feitas aos pais.” (Romanos 15:7-8). Temos que receber os que são fracos na fé, os que não conhecem o Evangelho de Cristo, desses devemos nos aproximar e não condená-los, e ensinar-lhes não somente com palavras, mas, principalmente, com o nosso testemunho, com a maneira de nos portarmos. Temos exemplos na Bíblia, pois, quando a rainha de Sabá foi visitar o rei Salomão, ela se converteu somente em ver o seu procedimento e tudo o que ele fazia. Assim, antes de sermos somente faladores, devemos agir, devemos ser verdadeiros filhos de Deus, para que as pessoas confirmem isso e queiram também servir o mesmo Deus que nós. “E para que os gentios glorifiquem a Deus pela sua misericórdia, como está escrito: Portanto eu te louvarei entre os gentios, e cantarei ao teu Nome. E outra vez diz: Alegrai-vos, gentios, com o seu povo. E outra vez: Louvai ao Senhor, todos os gentios, e celebrai-o todos os povos.”(Romanos 15:9-11).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

%d blogueiros gostam disto: