Como progredir

Vivemos em Espírito
21 de novembro de 2019
Os sacerdotes
22 de novembro de 2019

“Finalmente, irmãos, vos rogamos e exortamos no Senhor Jesus, que assim como recebestes de nós, de que maneira convém andar e agradar a Deus, assim andai, para que possais progredir cada vez mais.” (1 Tessalonicenses 4:1)

O apóstolo Paulo, falando ou escrevendo para a igreja de Tessalônica, pede aos irmãos que permaneçam firmes naquilo que aprenderam com ele. Vejam que ele tinha a tranquilidade de pedir que seguissem as suas orientações, pois tinha a segurança de saber que ensinava o Evangelho de Jesus Cristo assim como Ele é, e não outra coisa. Portanto, ele pede aos irmãos que prossigam nesses ensinamentos se quiserem agradar a Deus, pois só progredirão, só vencerão se estiverem em Jesus, e ele, Paulo, tinha ensinado como deveriam se portar. Por isto devemos sempre viver e ensinar o Evangelho de Jesus Cristo, e não qualquer outra coisa, não podemos ensinar o que achamos ou pensamos, mas nos limitar a falar, pregar, ensinar sobre Jesus. Não podemos estar preocupados em falar palavras agradáveis às pessoas para não as magoar ou escandalizar, e sim falar a Verdade de Cristo, pois é essa que lhes dará salvação. Não podemos de maneira nenhuma ficar prometendo coisas, bênçãos de acordo com a nossa vontade, porque se Cristo não prometeu pela sua Palavra, sabemos que não vai acontecer. Temos que ter a mesma tranquilidade de Paulo ao falar com as pessoas pedindo-lhes para seguirem o que falamos, o que ensinamos, porque temos a certeza de que estamos ensinando sobre Jesus e não sobre nós mesmos, ou sobre o que pensamos, desejamos. Estamos simplesmente falando da Palavra de Deus, independentemente de estarmos agradando ou desagradando as pessoas. “Porque vós bem sabeis que mandamentos vos temos dado pelo Senhor Jesus.” (1 Tessalonicenses 4:2). Paulo afirma que eles sabem que os mandamentos passados por ele foram de Jesus Cristo. Assim todos nós devemos agir ao falar com as pessoas, com a nossa família, com os nossos filhos, enfim, com todos, porque somente dessa maneira faremos o certo e demonstraremos o verdadeiro amor. Todo o tempo devemos falar dos preceitos e ordenanças do Senhor e mostrar como devemos nos portar, para que assim as pessoas possam aprender a viver de acordo com a vontade de Jesus e, consequentemente, alcançar a salvação Nele, por isso devemos tomar muito cuidado com o que ensinamos e falamos.
“Porque esta é a vontade de Deus, a vossa santificação; que vos abstenhais da fornicação; que cada um de vós saiba possuir o seu vaso em santificação e honra; Não na paixão da concupiscência, como os gentios, que não conhecem a Deus.” (1 Tessalonicenses 4:3-5). Um dos maiores erros que as pessoas geralmente comentem e por isso pecam é em relação à questão sexual, e Paulo alerta sobre isto. Devemos tomar muito cuidado, temos que saber a verdade sobre essa questão, temos que entender que sexo é um direito exclusivo dos casados, e que ninguém que não seja casado pode praticá-lo, e se o praticarem, estarão em pecado, e os pecadores não herdarão o Reino de Deus. Assim, sabemos que namorados, noivos, amigos não podem se relacionar sexualmente, e também que não podem em hipótese alguma se envolver em relacionamento homossexual, pois não existe a menor possibilidade ou tolerância em relação a isso. Não podemos agir como o mundo, como os que não conhecem Cristo, que vivem em busca de prazeres, satisfazendo a vontade da carne, porque eles, além de não conhecerem Cristo, estão atendendo à vontade do príncipe deste mundo. Portanto, devemos sempre resistir à vontade da carne e aprender a viver em espírito, e não na vontade da nossa carne. Temos de saber que, se vivermos segundo o nosso querer, estaremos nos condenando ao sofrimento eterno. Tanto os homens como as mulheres devem aprender a resistir às vontades e aos desejos sexuais, devem aprender a correr, a fugir, assim como José fugiu da mulher de Potifar. “Ninguém oprima ou engane a seu irmão em negócio algum, porque o Senhor é vingador de todas estas coisas, como também antes vo-lo dissemos e testificamos.” (1 Tessalonicenses 4:6). Também devemos tomar cuidado quando formos fazer qualquer negócio, para não querermos dar uma de espertos e tentar levar vantagem sobre o outro, porque podemos até enganar alguém, mas o Senhor não, e Ele tudo vê. Com certeza prestaremos contas das nossas atitudes mesmo que as pessoas enganadas, ludibriadas não percebam. Temos que ser honestos e jamais procurar levar vantagens pelo fato de uma pessoa estar passando por momento de aperto e desespero, por isso não podemos valorizar ou desvalorizar o produto que esteja vendendo ou comercializando. Isso vale também para quando contratarmos alguém para fazer algum trabalho para nós: devemos sempre pagar um salário justo, e não nos aproveitar de situação alguma, caso contrário, prestaremos contas ao Senhor. “Porque não nos chamou Deus para a imundícia, mas para a santificação. Portanto, quem despreza isto não despreza ao homem, mas sim a Deus, que nos deu também o seu Espírito Santo.” (1 Tessalonicenses 4:7-8).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

%d blogueiros gostam disto: