Os sacerdotes

Como progredir
21 de novembro de 2019
Colocai em prática
22 de novembro de 2019

“Porque todo o sumo sacerdote, tomado dentre os homens, é constituído a favor dos homens nas coisas concernentes a Deus, para que ofereça dons e sacrifícios pelos pecados; e possa compadecer-se ternamente dos ignorantes e errados; pois também ele mesmo está rodeado de fraqueza.” (Hebreus 5:1-2)

Temos que compreender o que é um sacerdote tomando por base Jesus Cristo, o nosso Sumo Sacerdote por toda a eternidade. Vemos que Ele se sacrificou pelo povo, enfrentou todos os tipos de afrontas, mas perseverou até o fim, até a morte, e morte de cruz, mas libertou todo o seu povo. Jesus se colocou na brecha por todos nós, e Graças a Ele hoje temos a oportunidade de vivermos com Ele, de sermos salvos, de termos vida eterna. Assim, tendo por base Jesus, sabemos que todos os que são chamados para o sacerdócio têm que igualmente oferecer sacrifícios pelo povo, têm que se colocar na brecha pelas suas ovelhas. Inicialmente temos que compreender que sacerdote não se faz ou se transforma, porque o sacerdote é chamado pelo Senhor, é uma pessoa que Deus escolhe e coloca sobre as suas ovelhas para pastoreá-las. O sacerdote não é alguém que vem por outro motivo qualquer a não ser por obediência à Palavra de Deus. Assim ele sabe que tem que amar as suas ovelhas as quais o Senhor lhe entregou. Tem que ensiná-las de acordo com o Evangelho e não de acordo com os seus sentimentos ou com o que pensa. Todos os sacerdotes, pastores, são simplesmente pessoas normais, sujeitas às fraquezas como todos, e por viverem dessa maneira sabem o que é o pecado, o erro, as dores, e então ele sente piedade pelas pessoas, tem misericórdia, e pode interceder pelo povo. A função do sacerdote é interceder diante do Senhor pelo povo, é clamar por todas as ovelhas do Senhor que lhe foram entregues para cuidar, e por isto tem que estar disposto a morrer, se necessário for, por elas. O sacerdote representa as coisas do Reino para as pessoas, representa as pessoas diante do Senhor, por esse motivo ele não pode estar comprometido com as coisas do mundo, não pode se envolver em nada que não seja o Evangelho de Jesus Cristo. É função dele ensinar às pessoas como devem se portar, viver, agir, para que possam ter vida em Cristo. Assim, se não guiar, ensinar às pessoas o Evangelho de Jesus Cristo, será cobrado pelo Senhor, por isto a seriedade do sacerdócio, uma vez que um sacerdote pode conduzir muitas almas a Cristo, mas pode perder a sua vida por causa de uma.
“E por esta causa deve ele, tanto pelo povo, como também por si mesmo, fazer oferta pelos pecados. E ninguém toma para si esta honra, senão o que é chamado por Deus, como Arão.” (Hebreus 5:3-4). O sacerdote tem que fazer interseções por todo o povo, pelas ovelhas que o Senhor lhe envia para serem pastoreadas por ele, e também por ele próprio, porque ele também é um ser humano normal, ele também é carne, e ele também está suscetível ao erro e ao pecado. Sabendo disso, ele deve sempre estar se examinando, indo diante do Senhor e clamando por perdão pela sua vida, além, é claro, de buscar constantemente orientações e sabedoria no Senhor em relação a como conduzir o seu rebanho. Como disse anteriormente, ninguém se faz sacerdote, mas os verdadeiros sacerdotes são chamados, são escolhidos pelo Senhor. Eles não são comprometidos em agradar às pessoas, somente ao Senhor, e vivem não para o mundo, mas para Cristo, portanto, não estão preocupados em acumular bens, em ganhar dinheiro aqui, pois sabem que o seu tesouro está no Senhor. Temos o nosso exemplo em Cristo, o nosso verdadeiro Sacerdote, o nosso Pastor para sempre. Vimos que Ele viveu aqui simplesmente pregando o seu Evangelho e não se preocupou em ajuntar tesouros aqui, e também nos mandou fazer o mesmo. Mas devemos abrir os nossos olhos, pois são muitos os falsos sacerdotes, os falsos pastores que existem pelo mundo, enganando muitos com palavras suaves e preocupados em ganhar dinheiro, em conquistar coisas aqui. Para isso eles não têm medo de distorcer o Evangelho de Cristo, e assim eles ficam criando pregações, falando sobre prosperidade e bênçãos várias, como se fossem algum compromisso do Senhor. “Assim também Cristo não se glorificou a si mesmo, para se fazer sumo sacerdote, mas aquele que lhe disse: Tu és meu Filho, Hoje te gerei. Como também diz, noutro lugar: Tu és sacerdote eternamente, Segundo a ordem de Melquisedeque.”(Hebreus 5:5-6). Jesus Cristo, o nosso Sacerdote, não ficou preocupado em se glorificar. Ele estava em missão e tudo fez para glorificar o seu, o nosso Pai. Jesus não se fez Sacerdote. Ele foi escolhido, chamado por Deus e enviado em missão para cuidar e salvar as ovelhas do Senhor, que somos nós. Deus disse: “hoje te gerei”, ou seja, hoje te chamei, te convoquei e te envio como o meu Sacerdote. Vimos que a missão de um sacerdote não é fácil, pois sabemos de tudo o que Jesus passou para completar a sua missão com êxito. Por isto, quando vemos esses falsos sacerdotes apregoarem que eles têm que viver bem, desfrutar do melhor, sabemos que são hipócritas, mentirosos e não conhecem Cristo. “O qual, nos dias da sua carne, oferecendo, com grande clamor e lágrimas, orações e súplicas ao que o podia livrar da morte, foi ouvido quanto ao que temia. Ainda que era Filho, aprendeu a obediência, por aquilo que padeceu. E, sendo ele consumado, veio a ser a causa da eterna salvação para todos os que lhe obedecem; Chamado por Deus Sumo Sacerdote, segundo a ordem de Melquisedeque.” (Hebreus 5:7-10).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

%d blogueiros gostam disto: