Os falsos

Fortaleza
12 de dezembro de 2019
Confiarei
13 de dezembro de 2019

“E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição.” (2 Pedro 2:1)

Os falsos profetas, os pregadores de heresias não são novidade em nosso meio, já há muito eles têm se infiltrado no meio do povo do Senhor e feito com que muitos se extraviassem. O apóstolo Pedro nos traz à memória que há muitos anos esses que estão a serviço do inferno, os pregadores de mentira, os que tudo fazem para distorcer as palavras do Senhor estão em nosso meio. Atualmente, basta verificarmos à luz do Evangelho a maioria das pregações que vemos nas mídias e perceberemos que são heréticas, porque são pregações melosas, que simplesmente exaltam o ser humano e transformam o Senhor em um servo. São contra o Evangelho de Jesus Cristo todos os que pregam prosperidade, bênção sem medidas, curas de tudo, determinam Deus a abençoá-los, dão ordens ao Senhor, pregam para agradar as pessoas, vivem pedindo ofertas, comercializam produtos, cobram, exigem ofertas para pregar, convocam o povo para fazer jejum por este ou por aquele motivo, criam campanhas e mais um monte de rituais. Esses são simplesmente falsos profetas, pois o que fazem e falam é contrário ao Evangelho de Jesus Cristo. Todos os que, para fundamentar uma pregação, precisam utilizar o Antigo Testamento, mostrando que Jesus não é o suficiente para trazer ensinamentos, esses são os que, mesmo citando o Nome do Senhor (que é Santo para sempre Amém), ensinam contra Ele. De maneira disfarçada, apesar de citarem o Nome do Senhor, pregam e ensinam contra, são os pregadores de autoajuda, são contra o Evangelho de Jesus Cristo. “E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade.” (2 Pedro 2:2). Muitos seguirão, é o que Pedro fala, e hoje nós estamos assistindo a muitos seguindo o caminho da mentira, basta olharmos os templos, onde são pregadas verdadeiras heresias, lotados de pessoas que dizem buscar Cristo. Vemos pessoas lotarem as reuniões, vemos ajuntamentos nos quais o chamamento não é para ouvir o Evangelho, mas para receber essa ou aquela bênção. As pessoas preferem ignorar o Evangelho de Jesus Cristo e irem atrás daquilo que lhes parece bom.
“E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita.” (2 Pedro 2:3). A Palavra de Deus é maravilhosa, pois, quando lemos os versículos citados, percebemos o quanto são atuais, pois o que mais vemos são pregadores utilizando artimanhas para conseguirem agradar as pessoas e lhes ofertarem mais, para as pessoas participarem de votos, campanhas e comprarem os produtos que eles oferecem. Ficamos abismados como alguns pregadores conseguem enganar o povo, e como tantos conseguem ser enganados, ludibriados, enquanto são tratados como mercadoria por esses pregadores profissionais. Esses falsos profetas, falsos pastores, que já estão condenados à morte e ao sofrimento eterno, não têm temor do Senhor, por isso não têm nenhuma dificuldades em usar o Nome do Senhor para angariar dinheiro do povo. As pessoas ficam cegas e abandonam a Palavra de Deus, o Evangelho de Jesus Cristo, para seguirem esses falsos pastores, e não percebem que para eles elas são simplesmente mercadorias. Devemos voltar ao Evangelho de Jesus Cristo e assim iremos descobrir que o Senhor Jesus em nenhum momento prometeu riquezas, prosperidades ou algo semelhante, porque a Promessa é de vida eterna, e não de outra coisa qualquer. As pessoas, por quererem ganhar fácil, são enganadas, pois pretendem levar vantagens, querem simplesmente receber, ganhar através de uma mágica, um milagre, como consequência são enganadas por um estelionatário gospel. Na verdade, esses estelionatários que vivem extorquindo o povo de Deus são os que denigrem a imagem do Evangelho, e eles o fazem exatamente por estarem a serviço do inferno. “Porque, se Deus não perdoou aos anjos que pecaram, mas, havendo-os lançado no inferno, os entregou às cadeias da escuridão, ficando reservados para o juízo.” (2 Pedro 2:4). Temos que compreender que esses estelionatários que atraem tantas pessoas aos seus templos, ou ajuntamentos, são pessoas que já estão destinadas há muito ao sofrimento eterno, são pessoas impossíveis de serem salvas, pois de maneira voluntária resolveram ofender o Senhor. Não existe a menor possibilidade de serem salvas, porque elas, sabendo quem é o Senhor, resolveram agir de maneira contrária induzindo, conduzindo o povo ao sofrimento e morte eterna. E aqueles que os seguem e as suas doutrinas também irão padecer, pois deixaram de seguir o Senhor para seguir outra coisa. “E não perdoou ao mundo antigo, mas guardou a Noé, a oitava pessoa, o pregoeiro da justiça, ao trazer o dilúvio sobre o mundo dos ímpios; E condenou à destruição as cidades de Sodoma e Gomorra, reduzindo-as a cinza, e pondo-as para exemplo aos que vivessem impiamente; e livrou o justo Ló, enfadado da vida dissoluta dos homens abomináveis.”(2 Pedro 2:5-7).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

%d blogueiros gostam disto: