Fortificando

O mundo
19 de fevereiro de 2020
Fascinados
20 de fevereiro de 2020

“Tu, pois, meu filho, fortifica-te na graça que há em Cristo Jesus. E o que de mim, entre muitas testemunhas, ouviste, confia-o a homens fiéis, que sejam idôneos para também ensinarem os outros.” (2 Timóteo 2:1-2)

O apóstolo Paulo, nesta segunda carta ao jovem pastor Timóteo, faz algumas recomendações que todos devemos tomar para nós mesmos. Vemos que primeiro ele manda Timóteo se fortalecer na graça que há em Cristo Jesus. Sabemos que necessitamos sempre nos fortalecer no Senhor, porque a única maneira de nos abastecermos, de renovarmos as nossas forças é no Senhor, uma vez que nenhum homem ou qualquer coisa é capaz de nos fortalecer. Também temos que nos espelhar em verdadeiros homens de Deus que nos ensinaram o Evangelho de Jesus Cristo, pessoas que vivem em conformidade com a sã doutrina. Temos exemplos nessas pessoas, por isso sabemos que não devemos esperar facilidades aqui, mas sim lutas e dificuldades, uma vez que estamos em território inimigo. Vemos os verdadeiros homens de Deus passando pelas lutas, mas com alegria perseverando em se fortalecer no Senhor, assim de igual modo devemos proceder. Também devemos procurar homens sérios e comprometidos com a Palavra de Deus para continuarem levando a mensagem da cruz, continuarem levando o Evangelho de Jesus Cristo, porque são muitos os que citam o Nome do Senhor (que é Santo para sempre Amém), mas com outros interesses. Que busquemos homens sérios, verdadeiros e de caráter, para que não somente ensinem ou preguem, mas que fundamentalmente vivam o Evangelho de Jesus Cristo. “Tu, pois, sofre as aflições, como bom soldado de Jesus Cristo.” (2 Timóteo 2;3). Paulo fala a Timóteo que sofra as aflições como bom soldado de Cristo, por isto sabemos que, por sermos servos de Cristo, soldado, as lutas, os sofrimentos, as guerras, perseguições são esperadas em nossas vidas. Não podemos esquecer que somos soldados de Cristo lutando, combatendo, uma vez que estamos em território inimigo, assim estamos sempre sendo atacados, mas devemos sempre lutar de acordo com as ordens do nosso General. Por isso não podemos ficar reclamando por passarmos por lutas, e sim, ao contrário, em tudo darmos graças ao Senhor, porque, se estamos passando por lutas, significa que estamos desagradando o mundo.
“Ninguém que milita se embaraça com negócios desta vida, a fim de agradar àquele que o alistou para a guerra. E, se alguém também milita, não é coroado se não militar legitimamente.” (2 Timóteo 2:4-5). Quem milita, combate, luta a luta do Senhor não pode estar envolvido com negócios deste mundo, os verdadeiros pastores, os verdadeiros homens de Deus que ensinam o Evangelho de Jesus Cristo não podem estar envolvidos com negócios, empresas ou qualquer coisa, porque a nossa função é levar a mensagem de Cristo, é sermos a mensagem, não podemos nos envolver com qualquer coisa deste mundo, somos soldados e não comerciantes, como muitos se fazem. Temos exemplo em nosso General, nosso Mestre Jesus Cristo, que não teve absolutamente nada, não comprou ou vendeu nenhuma propriedade ou bens, simplesmente, nesses quase três anos aproximadamente de seu Ministério terreno, Ele estava apresentando o Reino. A nossa função é levar a mesma mensagem, levar o Evangelho a todos, é pregar, é ser o Evangelho, para que as pessoas possam não somente nos ouvir como também nos ler. A nossa recompensa não está aqui, nosso prêmio não está aqui, e só o receberemos se formos soldados dignos aqui, por isso lutamos com dignidade, não esperando nenhuma recompensa ou reconhecimento dos homens, e não reclamamos ou lamentamos quando as lutas, os desertos surgem. “O lavrador que trabalha deve ser o primeiro a gozar dos frutos. Considera o que digo, e o Senhor te dê entendimento em tudo.” (2 Timóteo 2:6-7). Assim como um lavrador, um trabalhador tem que trabalhar até ficar exausto e esperar pela colheita no tempo certo, nós também devemos lutar até a exaustão ou até mais, porque sabemos que no tempo certo receberemos o nosso prêmio. Não esmorecemos, nós prosseguimos, mas isto não quer dizer que não sentimos as lutas, as batalhas, e sim que procuramos ignorá-las, pois sabemos que o nosso prêmio, além de ser muito grande, é eterno. Devemos sempre buscar sabedoria, entendimento no Evangelho, que é o próprio Cristo, nosso Mestre, e Ele nos esclarecerá todas e quaisquer dúvidas, porque Ele tudo sabe, uma vez que Ele tudo criou. Temos que aprender a nos render, nos entregar ao Senhor, colocar as nossas vidas em suas mãos e não nos preocupar com nada. Devemos sair desse engano muito pregado e ensinado pelos pregadores modernos, que dão a entender que os cristãos devem desfrutar do melhor deste mundo. Isso é uma mentira e uma teologia estranha e falsa. O nosso melhor não está aqui, mas no Senhor, e só o alcançaremos se lutarmos aqui de acordo com a sua vontade. “Lembra-te de que Jesus Cristo, que é da descendência de Davi, ressuscitou dentre os mortos, segundo o meu evangelho; Por isso sofro trabalhos e até prisões, como um malfeitor; mas a Palavra de Deus não está presa. Portanto, tudo sofro por amor dos escolhidos, para que também eles alcancem a salvação que está em Cristo Jesus com Glória eterna.” (2 Timóteo 2:8-10).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

%d blogueiros gostam disto: